Queremos convidar você a fazer uma viagem, uma viagem mágica, por diversos países, culturas, hábitos, épocas, onde sua imaginação quiser e você se permitir...

Viajar pelas páginas de nossos livros, por vários gêneros, escritores anônimos e ilustradores e também os ilustres escritores: romances, aventuras, comédias, mistérios, épicos, auto-ajuda, poéticos, didáticos... toda leitura faz o ser humano conhecer, abranger, crescer...

Neste blog vamos divulgar, sugerir, incentivar, um espaço para interagir com você, que vai ser nosso seguidor ou dar apenas uma espiadinha, mas será sempre bem-vindo, como aquele amigo que senta para tomar um café e conversarmos sobre aquelas páginas de um livro que mais nos marcou, ou aquele que estamos lendo no momento, então fica aqui nosso convite, entre no nosso blog, tome um café, enquanto passeia pelos nossas postagens, interaja conosco sempre, estamos aqui na rede aguardando a sua chegada.


Abraços literários.


Aparecida




Vamos trocar idéias, opiniões, interagir?

Tem algum comentário ou sugestão para fazer?

Escreva para nós no e-mail: cafecomleituranarede@gmail.com


Loja Virtual

A loja virtual "Café com leitura na rede" está a todo vapor, e convidamos você a visitar nossa loja, lá lhe aguardam ótimos preços, opções para todos os gostos e um atendimento muito, muito especial e amigo.

Acesse agora mesmo:


Abraços


Equipe Café com Leitura na Rede.



quarta-feira, 7 de maio de 2014

O Guarani de José de Alencar-

                                                                                



O Guarani de José de Alencar foi o primeiro livro que ganhei de presente, um dos primeiros livros que li e um dos meus favoritos.

Sinopse: José de Alencar, um dos grandes patriarcas da literatura brasileira, pelo volume e mensagem de sua obra, deu à ficção produzida no século XIX, um tratamento monumental. Escritor romântico enfocou os mais importantes aspectos da nossa realidade: o índio e o branco; a cidade e o campo; o sertão e o litoral. A presente obra, que lhe granjeou popularidade ao ser lançado em folhetim, era lida avidamente, até nas ruas, à luz dos lampiões. O romance conta a história de amor entre o índio Peri e a moça branca Ceci, um dos casais mais famosos e conhecidos da literatura brasileira, tendo como cenário o Brasil do século XVII.


O Guarani foi o primeiro romance indianista escrito por José de Alencar. Sim, o autor se aventurou também por essa característica romântica.
 Na tentativa de criar um herói de identidade nacional, Alencar conta a história do índio Peri, o “bom selvagem”, e sua comovente devoção pela portuguesa Cecília.
Peri que no passado salvou a vida de Ceci ganha o apreço do pai da menina que grato o convida para morar com eles. Peri abdica de sua tribo para viver perto de sua amada e protegê-la.
A história se passa no período de pré-descobrimento, e a intenção de Alencar foi, basicamente, mostrar a influência do colonizador português sobre os índios, corrompendo sua cultura e religião.
Esse livro traz características marcantes do autor, como a riquíssima descrição de espaço, uma descrição ambiental formidável.
Esse é um livro intenso, muito bom, com muitas surpresas e bastante ação, apesar de ser um romance histórico, não é cansativo, muito pelo contrário sua narrativa é envolvente e seus personagens cativantes, muito bem construídos.
Destaque também para os personagens secundários, Isabel e Álvaro, que alcançam o status de protagonistas em alguns momentos marcantes.
Uma das mais belas obras-primas da nossa literatura!
O sucesso do livro foi tão grande, que em 1870 o compositor brasileiro Carlos Gomes compôs uma ópera baseada no livro. Além disso, foram feitas inúmeras adaptações para a televisão, cinema, até para histórias em quadrinhos, todos tendo o mesmo sucesso do livro.



Abraços Literários e até a próxima

Nenhum comentário:

Postar um comentário