Queremos convidar você a fazer uma viagem, uma viagem mágica, por diversos países, culturas, hábitos, épocas, onde sua imaginação quiser e você se permitir...

Viajar pelas páginas de nossos livros, por vários gêneros, escritores anônimos e ilustradores e também os ilustres escritores: romances, aventuras, comédias, mistérios, épicos, auto-ajuda, poéticos, didáticos... toda leitura faz o ser humano conhecer, abranger, crescer...

Neste blog vamos divulgar, sugerir, incentivar, um espaço para interagir com você, que vai ser nosso seguidor ou dar apenas uma espiadinha, mas será sempre bem-vindo, como aquele amigo que senta para tomar um café e conversarmos sobre aquelas páginas de um livro que mais nos marcou, ou aquele que estamos lendo no momento, então fica aqui nosso convite, entre no nosso blog, tome um café, enquanto passeia pelos nossas postagens, interaja conosco sempre, estamos aqui na rede aguardando a sua chegada.


Abraços literários.


Aparecida




Vamos trocar idéias, opiniões, interagir?

Tem algum comentário ou sugestão para fazer?

Escreva para nós no e-mail: cafecomleituranarede@gmail.com


Loja Virtual

A loja virtual "Café com leitura na rede" está a todo vapor, e convidamos você a visitar nossa loja, lá lhe aguardam ótimos preços, opções para todos os gostos e um atendimento muito, muito especial e amigo.

Acesse agora mesmo:


Abraços


Equipe Café com Leitura na Rede.



quarta-feira, 25 de março de 2015

Romance Histórico X Romance de Época-

                                                                             
                                                                          
Romance é  a narração mais conhecida, além de ser uma das preferidas entre os leitores.
 A estrutura desse tipo de narrativa é complexa, já que não acomoda apenas um núcleo, mas várias tramas se desencadeiam durante a narração da história principal.
Chama-se romance porque se tornou conhecido a partir do Romantismo, apesar de a sua raiz é de antes, do Realismo. Os romances realistas são mais fiéis a esse tipo de texto, tanto na sua estrutura quanto no tipo de abordagem, na crítica social e na descrição minuciosa.
A obra que é considerada o primeiro romance por alguns é Dom Quixote de La Mancha de Miguel de Cervantes, escrita em 1600.
Todo Romance se organiza a partir de uma trama, ou seja, em torno dos acontecimentos que são organizados em uma seqüência temporal. A linguagem utilizada em um Romance é muito variável, vai depender de quem escreve, de uma boa diferenciação entre linguagem escrita e linguagem oral, e principalmente do tipo de Romance.
São várias as classificações na categoria: Romance Urbano, Regionalista, Indianista, Realista, Naturalista, Modernista, Histórico e Romance de Época.

Atualmente dois tipos de romances, o romance histórico e o romance de época,  tem tido maior destaque literário, mas como diferenciá-los?????

O romance histórico tem como objetivo destacar a vida e os costumes de certa época e lugar da história, uma maior atenção com a fidelidade da ambientação, caracterização da vida cotidiana do período a ser retratado, roupas, costumes, cultura e marcos históricos reais que podem ser mesclados com fatos fictícios. Há uma preocupação com a precisão da caracterização, com fatos e datas e se houver o envolvimento emocional entre personagens, são descritos conforme os costumes da época, sem romantização extrema ou abordagem sexuais tão descritivas como as que encontramos nos romances hot.
Costuma ter uma narrativa mais elaborada, abordando diversos núcleos e tramas complexas que vão se conectando ao longo da história.

o romance de época têm como premissa a fase inicial da paixão entre um casal.
A maioria deles retratam a vida na sociedade londrina do período vitoriano ou regencial. A descrição de ambiente, roupas, costumes, cultura está presente, porém, o foco é o romance entre o casal protagonista, tendo em vista que já conseguimos conhecê-los logo no início do livro. O personagem feminino usualmente é descrito com as características da época como recatada, frágil, cordial, e a procura de um bom casamento. O personagem masculino é comumente descrito como um homem bonito, rico, forte, conquistador e avesso a compromissos sérios. É comum encontramos um ou outro escândalo na trama, porém nada de grandes dramas ou conflitos.
Mais comuns esses também podem ser conhecidos como romances de banca.

Bacanérrima essa definição não é mesmo ??????
Agora não dá mais pra dizer que romance é tudo a mesma coisa rsrsrs


Abraços Literários e até a próxima.

Nenhum comentário:

Postar um comentário