Queremos convidar você a fazer uma viagem, uma viagem mágica, por diversos países, culturas, hábitos, épocas, onde sua imaginação quiser e você se permitir...

Viajar pelas páginas de nossos livros, por vários gêneros, escritores anônimos e ilustradores e também os ilustres escritores: romances, aventuras, comédias, mistérios, épicos, auto-ajuda, poéticos, didáticos... toda leitura faz o ser humano conhecer, abranger, crescer...

Neste blog vamos divulgar, sugerir, incentivar, um espaço para interagir com você, que vai ser nosso seguidor ou dar apenas uma espiadinha, mas será sempre bem-vindo, como aquele amigo que senta para tomar um café e conversarmos sobre aquelas páginas de um livro que mais nos marcou, ou aquele que estamos lendo no momento, então fica aqui nosso convite, entre no nosso blog, tome um café, enquanto passeia pelos nossas postagens, interaja conosco sempre, estamos aqui na rede aguardando a sua chegada.


Abraços literários.


Aparecida




Vamos trocar idéias, opiniões, interagir?

Tem algum comentário ou sugestão para fazer?

Escreva para nós no e-mail: cafecomleituranarede@gmail.com


Loja Virtual

A loja virtual "Café com leitura na rede" está a todo vapor, e convidamos você a visitar nossa loja, lá lhe aguardam ótimos preços, opções para todos os gostos e um atendimento muito, muito especial e amigo.

Acesse agora mesmo:


Abraços


Equipe Café com Leitura na Rede.



sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

Jornal Poético: Diversos Versos, Inversos e Reversos #30

                                                                                


Este espaço, intitulado Jornal Poético: Diversos Versos, Inversos e Reversos,  foi criado, porque as poesias, os poemas, as rimas, os cordéis, prosa e verso  não podem ficar restritos a um sarau ou uma sala de aula;  devem estar ao nosso alcance sempre.
É  por isso que convidamos você, nesse mês de dezembro,  a embarcar com a gente nesse poema de Fernando Pessoa sobre o Natal!
Fernando Antônio Nogueira Pessoa (Lisboa-1888/1935), poeta, escritor, publicitário, crítico literário, inventor, empresário, tradutor, filósofo e comentarista político.
Alguns de seus heterônimos conhecidos e igualmente espetaculares são Alberto Caeiro, Álvaro Campos, Ricardo Reis e Bernardo Soares.

Cada uma de nós, à sua maneira, extrai da vida a poesia que nos cabe.


Natal
Fernando Pessoa

O sino da minha aldeia,
Dolente na tarde calma,
Cada tua badalada
Soa dentro de minha alma.

E é tão lento o teu soar,
Tão como triste da vida,
Que já a primeira pancada
Tem o som de repetida.

Por mais que me tanjas perto
Quando passo sempre errante,
És para mim como um sonho.
Soas-me na alma distante.

A cada pancada tua,
Vibrante no céu aberto,
Sinto mais longe o passado,
Sinto a saudade mais perto.


Abraços Literários, beijos poéticos e até a próxima.



22 comentários:

  1. Boa tarde Luli
    Nestes dia em nos preparamos para celebrar o nascimento do Menino Jesus você traz para o nosso deleite este poema fabuloso do excepcional Fernando Pessoa. E com que prazer eu li esta fabulosa obra literária.
    Um feliz natal pleno de amor, paz e harmonia
    .:*~*:._.:*~*:._.:*~*:._.:*~*:._.:*~*
    ......... *.............................................
    ........./.\.............................................
    ......../..'\....Desejo felicidades
    ......../'.'\....prosperidade, saúde
    ......./.''.'\...realizações, paz e tudo
    ......./.'.'.\..do melhor para você e toda
    ....../'.''.'.\..a sua família neste Natal
    ....^^[_]^^e Ano Novo!!
    ...........................................................

    Beijos natalinos com imenso carinho

    ResponderExcluir
  2. Luli que lindo poema do Fernando Pessoa, cada estrofe uma emoção do natal, que nesse natal multiplique o amor nos corações de cada um, Luli bjs.
    http://www.lucimarmoreira.com/

    ResponderExcluir
  3. Luli que lindo poema do Fernando Pessoa, cada estrofe uma emoção do natal, que nesse natal multiplique o amor nos corações de cada um, Luli bjs.
    http://www.lucimarmoreira.com/

    ResponderExcluir
  4. Que poema lindo! Amo o Fernando Pessoa. <3

    Amei seu espaço. Estou seguindo.
    Um beijão.
    EU SOU UM POUCO DE CADA LIVRO QUE LI

    ResponderExcluir
  5. Oie Luli!!!
    Fernando Pessoa, como sempre, gênio! Você sabe como eu gosto dos poemas dele, né? E concordo, apesar de não ser muito fã do gênero textual "poesia" (meu gênero preferido com certeza é o conto e gênero literário), não devem ficar guardados apenas em salas de aula ou saraus literários, mas, devem ser expostos e compartilhados. E mesmo não sendo fã de poesia, sempre procuro disseminá-la, pois, são belas e cativantes!

    Beijooooo

    ResponderExcluir
  6. OI LULI

    eu gosto demais do natal *-*
    existe época que inspire mais os corações, gente? não é a toa a quantidade de poesias,músicas, livros e tudo mais que envolva arte que tenha o tema *-*

    P.S.: tava meio sumidinha, mas juro que tô reaparecendo aos poucos! HAHAH

    beijo
    beinghellz.com

    ResponderExcluir
  7. Hello, querida Luli!
    Natal mexe com os sentimentos de todo ser humano, época
    de alegria, nostalgia e confraternização.
    O poema do Fernando Pessoa descreme muito bem essa magia!

    Abençoado final de domingo e uma semana recheada de bençãos junto a sua família!
    Bjoos no seu lindo ♥

    ResponderExcluir
  8. Que belas palavras as do grande "Pessoa"! Uma época que deveria de ser de muito amor para todos!
    Beijinho
    http://asreceitasdamaegalinha.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  9. Oi Luli!! Muito bacana este post, adoro Fernando Pessoa! E Ricardo Reis é meu heterônimo preferido! <3

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  10. nas época de escola lembro que começamos a estudar poemas, poesias e tals.... e viciei!
    todo dia ia na biblio pegar um livro novo pra ler! não lembro se li esse do Fernando Pessoa, mas lembro de ter pego uma coletânea dele!

    xoxo
    Guria do Século Passado

    ResponderExcluir
  11. Oi Luli,bn!
    Eu sou fanzaça de Fernando Pessoa e por isso adorei a nossa prosa de hoje com esse poema lindo!
    Bjsss amiga e uma uma semana de muita paz e alegrias p/vcs


    ResponderExcluir
  12. Fernando pessoa escreve como ninguém né?, palavras profundas que encantam, adorei o poema beijos

    Taynara Mello
    www.indicarlivros.com

    ResponderExcluir
  13. Perfeito!
    Fernado é Fernando!
    Obrigado pela Visita!
    Beijos e um Feliz Natal Cheio de Paz e esperança 😘
    🎄 Lembrando que Tem post novo no ar! 🎄
    Minhas Inspirações

    ResponderExcluir
  14. Ah, Fernando Pessoa escreve palavras únicas! Amei demais o poema Luli.

    www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
  15. Como eu sabia que vc ia voltar, guardei metade do pão p/gente prosear. Será que vai dar? kkkkkkk
    Bjsss amiga e uma linda noite aí p/vcs

    ResponderExcluir
  16. Que lindo, apesar de triste, porém nessa época mts pessoas ficam mesmo tristes, então os versos fazem todo o sentido.

    Beijos/Xoxo.

    Anete Oliveira
    Blog Coisitas e Coisinhas
    Fan Page Coisitas e Coisinhas
    Instagram

    ResponderExcluir
  17. Oi Luli, tudo bom?

    Achei sua ideia fantástica. Poemas, poesias e crônicas não devem ficar restritos a determinado local, eles devem transcender e tocar os mais diversos corações.
    Como uma amante dos versos e admiradora do Fernando Pessoa, adorei a poesia que você escolheu, pois ainda não conhecia. Ela é singela e toca-nos com sua simplicidade, trazendo-nos uma reflexão pessoal. Adorei!

    Beijos,

    Gnoma Leitora

    ResponderExcluir
  18. Oi, Luli! Adorei o poema e, olha que coincidência, eu estou lendo exatamente um livro de citações e poesias de Fernando Pessoa. O talento desse poeta não tem nem como expressar em palavras! Beijinhos, Beatriz.

    O Diário de uma Escritora Iniciante

    ResponderExcluir
  19. Oii Luli!
    Poemas são tudo de bom! Adorei seu blog e estou seguindo <3
    Te indiquei para um tag: http://leituraecappuccino.blogspot.com.br/2016/12/tag-com-que-filme-vou.html

    Espero que goste,
    Beijoos!

    ResponderExcluir
  20. Embora eu não tenha nada de Fernando pessoa, amo os versos dele, são tão profundos, bjocas da Joyce.

    ResponderExcluir