Queremos convidar você a fazer uma viagem, uma viagem mágica, por diversos países, culturas, hábitos, épocas, onde sua imaginação quiser e você se permitir...

Viajar pelas páginas de nossos livros, por vários gêneros, escritores anônimos e ilustradores e também os ilustres escritores: romances, aventuras, comédias, mistérios, épicos, auto-ajuda, poéticos, didáticos... toda leitura faz o ser humano conhecer, abranger, crescer...

Neste blog vamos divulgar, sugerir, incentivar, um espaço para interagir com você, que vai ser nosso seguidor ou dar apenas uma espiadinha, mas será sempre bem-vindo, como aquele amigo que senta para tomar um café e conversarmos sobre aquelas páginas de um livro que mais nos marcou, ou aquele que estamos lendo no momento, então fica aqui nosso convite, entre no nosso blog, tome um café, enquanto passeia pelos nossas postagens, interaja conosco sempre, estamos aqui na rede aguardando a sua chegada.


Abraços literários.


Aparecida




Vamos trocar idéias, opiniões, interagir?

Tem algum comentário ou sugestão para fazer?

Escreva para nós no e-mail: cafecomleituranarede@gmail.com


Loja Virtual

A loja virtual "Café com leitura na rede" está a todo vapor, e convidamos você a visitar nossa loja, lá lhe aguardam ótimos preços, opções para todos os gostos e um atendimento muito, muito especial e amigo.

Acesse agora mesmo:


Abraços


Equipe Café com Leitura na Rede.



segunda-feira, 1 de maio de 2017

A Arte das Capas #32: O Perfume da Folha de Chá

                                                                               

Sinopse-  1925, a jovem Gwendolyn Hooper parte de navio da Escócia para se encontrar com seu marido, Laurence, no exótico Ceilão, do outro lado do mundo. Recém-casados e apaixonados, eles são a definição do casal aristocrático perfeito: a bela dama britânica e o proprietário de uma das fazendas de chás mais prósperas do império. Mas ao chegar à mansão na paradisíaca propriedade Hooper, nada é como Gwendolyn imaginava: os funcionários parecem rancorosos e calados, e os vizinhos, traiçoeiros. Seu marido, apesar de afetuoso, demonstra guardar segredos sombrios do passado e recusa-se a conversar sobre certos assuntos.
Ao descobrir que está grávida, a jovem sente-se feliz pela primeira vez desde que chegou ao Ceilão. Mas, no dia de dar à luz, algo inesperado se revela. Agora, é ela quem se vê obrigada a manter em sigilo algo terrível, sob o preço de ver sua família desfeita.
                                          
                                                                                                                                          
                                                                


Gwen é uma linda jovem, delicada, romântica, sonhadora e generosa.
Em uma época em que a separação inter-racial era freqüente e as dificuldades grandes, ela, aos dezenove anos conhece e se apaixona pelo atraente viúvo Laurence Hoope,  um dos maiores produtores de chá do Ceilão, localizado no Sri-Lanka, na época colônia da Inglaterra.
O interesse é correspondido, eles se casam e Gwen parte em direção a fazenda de seu marido. 
A princípio o relacionamento de ambos é maravilhoso, mas essa tranquilidade está com os dias contados.
Lá ela descobrirá a dura realidade dos colhedores da produção de chá, enfrenta situações difíceis, lidará com um casamento cheio de segredos e terá que tomar decisões dolorosas em nome do amor e do que acredita ser correto.
O livro é narrado em primeira pessoa, pela perspectiva da Gewn
A autora faz uma abordagem  realista dos problemas enfrentados por pessoas que se casavam sem se conhecer direito e a dificuldade em estabelecer confiança na vida em comum. No caso dos personagens ainda existe o fato de que vivem cercados por segredos do primeiro casamento de Laurence e depois pelo segredo (que é mote da obra) de Gwen.
                                                                   
                                       
                                                                                             

 Gwen é ingênua  e  cheia de expectativas, tem um coração generoso, está sempre ajudando a todos sem pensar muito nas consequências.

Com o passar dos dias começa a notar que a vida em seu novo lar não será exatamente como esperava. Seu marido está sempre ocupado e suas ações a confundem, mesmo sabendo que ele a ama, em determinados momentos se mostra indiferente e esconde segredos.
Entretanto uma notícia os alegra e os une novamente, trazendo esperança para o casal – Gewn, está grávida. Mas (e sempre tem um mas) a alegria se torna um pesadelo, que irá colocar nossa protagonista em uma situação terrível.
Na noite em que entra em trabalho de parto, com o marido longe de casa, ela confrontada por um dilema, precisa fazer uma escolha. 
Será que ela vai conseguir manter o segredo? Se este segredo for descoberto poderá ser perdoado?
Esse é o ponto alto da história e  faz refletir até que ponto um segredo pode mudar nossas vidas e a reflexão de que a mentira pode ser tão (ou mais dolorosa) que a verdade.
Após a escolha feita, o que nos prende ao livro são as consequências da atitude. 
                                          
                                               


A trama reflexiva propõe discussões sobre preconceito, sobre quebrar tabus, diálogo, amadurecimento emocional, questionamentos e até julgamentos.

O enredo  intenso e envolvente trata de miscigenação, interesses amorosos, conflitos familiares e dramas pessoais.
Os cenários são vivos, cheios de cores e trabalhados com maestria permitindo a visualização dos mesmos.
Os personagens, amados ou odiados, são bem construídos.
A capa está perfeita e traduz perfeitamente o contexto.
Ameeeeeeeeeei as letras do título em um relevo áspero.
O único senão é a narrativa em si, uma vez que alguns aspectos deixam a desejar .
A obra poderia retratar com mais detalhes  as tensões políticas e históricas da década de 20 e 30, as lutas por melhorias trabalhistas, pela independência e o final poderia ter sido mais bem trabalhado.
Mas é um bom livro que cumpre aquilo a que se propõe: entretenimento.

Recomendado pra quem gosta de romances de época, dramáticos e com um toque de suspense.

E aí pessoas lindas??
Qual capa vcs acharam mais fofurice???

Abraços Literários e até a próxima.


21 comentários:

  1. Achei todas muito gracinha, delicadas..mas não faz muito meu gênero viu.

    Bjim...
    >>blog Usei Hoje<<
    Instagram | Twitter | Fan Page

    ResponderExcluir
  2. Sou dessas que compra o livro pela capa, amei todas!!!
    Bom dia Luli!
    Beijinhos ❤
    Blog Ale Canofre
    YouTube

    ResponderExcluir
  3. Olá, minha linda Luli! ☕☕
    Todas as capas são lindas, mas fico com a primeira.
    Amei a resenha, muito bom!

    Beijinhos no seu lindo ♥

    ResponderExcluir
  4. Uma capa + linda q a outra!

    A história parece bem interessante, mas sinto que que se eu for ler, não vou gostar pq tem + drama q suspense. Me conta logo o segredo dela, kkkkkkkk. Embora eu imagine,r srs.

    Beijos/Xoxo.

    Anete Oliveira
    Blog Coisitas e Coisinhas
    Fan Page Coisitas e Coisinhas
    Instagram

    ResponderExcluir
  5. Adoro romances de época, acho que ia gostar deste Luli :) Gosto de várias capas, todas as que têm o chapéu me levam a pensar em mistério, gosto dessas!
    Beijinho
    http://asreceitasdamaegalinha.blogspot.pt

    ResponderExcluir
  6. Que amor esses livros Luli, hoje estava procurando algum livro novo para ler e fiquei bem curiosa para conhecer esses, acredita que nunca li nada de época? ❤

    www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
  7. Fiquei apaixonada! *0*
    Na época do meu E.M, na escola eu adorava ler títulos de histórias mais antiga...com o passar do tempo as trilogias modernas acabaram me seduzido e eu acabei gastando horrores para adquirir algumas delas que nem terminei. :( Se encontrar algum desses títulos certamente irei ler!
    Minha capa favorita foi a de "Arbatos" que me lembrou muito a imagem capa do filme "Vidas ao vento" (Kaze Tachinu) do Hayao Miyazaki (estúdio Ghibli) que é a biografia ficcionalizada de Jiro Horikoshi, o designer do avião de caça Mitsubishi A6M Zero, que foi largamente usado pelo Japão na Segunda Guerra Mundial. Sou profundamente apaixonada por esse filme, a trilha sonora me faz chorar sempre!

    Beijos da Tha
    Garras & Esmaltes

    ResponderExcluir
  8. Nossa olhando as fotos parece um pintura.
    Deve ser muito legal!!

    Beijinhosss ;*
    Blog Resenhas da Pâm

    ResponderExcluir
  9. Nossa...fiquei até arrepiada. Quero muito ler esse livro, mas nao consegui um espaço na estante para ele. kkkk Adoro histórias de época e todos esses problemas socais e conflitos internos que as personagens precisam passar. Ai...essa capas que voce selecionou é uma mais linda que a outra. Fiquei curiosa para saber qual segredo esse homem esconde. kkkk Quero ler! Essa coisa de casar sem conhecer a pessoas deve ser difícil, mas ainda faz parte da cultura de alguns países.
    Beijos,
    Monólogo de Julieta

    ResponderExcluir
  10. Oi Luli, bt!
    Pela sinopse o livro é maravilhoso, amei a 1ª capa. Agora fiquei com uma curiosidade enorme p/saber o segredo da Gwen. Troco uma marmitinha pelo segredo, TOPAS? kkkk
    Bjsss amiga e um maravilhoso FDS p/vcs é o que desejo

    ResponderExcluir
  11. Oi Luli lindinha
    A primeira capa é um convite e fiquei arrepiada e louquinha para conhecer esse segredo. Mas como eu sei que não vai me contar rsrs, vou ter que ler o livro
    Lendo a sinopse já fui fazendo um mapinha mental dos ambientes e das situações ocorridas. Se tivesse o livro aqui já estaria lendooo
    Beijos poéticos e um maravilhoso final de semana

    ResponderExcluir
  12. Oi Luli!! Lá no blog a Luciane leu e amou demais esse livro, apesar de não tratar bem as questões politicas da época, fiquei muito curiosa pra conferir porque parece uma trama bem trabalhada! E todas as artes, acho que a capa brasileira é a mais bonita!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  13. Oi Luli!!!

    Menina, que espetáculo são essas capas, amei todas!

    Eu já tinha visto esse livro em algum lugar, mas, não tinha lido nada a respeito e fiquei super curiosa. Gwen parece ser uma personagem adorável, definitivamente, gostei dela. Viu procurar!

    Beijoooo 💞💞💞

    ResponderExcluir
  14. Oi, Luli!

    Sacanagem mesmo! Mas apesar daquela situação, eu amei demais o shampoo! ;)

    História com segredos? Tô dentro! hahaha! Gosto de um suspense básico. Achei bacana ter essa reflexão sobre a mentira ser mais dolorosa que a verdade! Bom, das capas a minha favorita é a terceira.

    Ótimo sábado!

    Beijo! ^^

    ResponderExcluir
  15. Amo romances ambientados em épocas passadas, e nos anos 20 então... Segredos sem dúvidas são um tempero para histórias. Tenha um dia abençoado, beijos!

    Blog Paisagem de Janela
    paisagemdejanela.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  16. Acho que a capa em português é a mais bonita :)

    Gostei desse enredo viu Luli. Fiquei super tentada a ler esse livro.

    Beijo.

    | O Blog Que Não é Blog |

    | Julinha e os Vídeos - Canal do Youtube |

    | Cadastre-se no Clixsense e Ganhe por Clicar em Links |

    ResponderExcluir
  17. Luli gosto muito de romances de época, os livros tem histórias maravilhosas, realmente as capas são lindas, gostei das suas sugestões, Luli tenha um ótimo final de semana bjs.
    http://www.lucimarmoreira.com/

    ResponderExcluir
  18. Luli gosto muito de romances de época, os livros tem histórias maravilhosas, realmente as capas são lindas, gostei das suas sugestões, Luli tenha um ótimo final de semana bjs.
    http://www.lucimarmoreira.com/

    ResponderExcluir
  19. Nunca li nenhum romance de época, mas esse me pareceu bem interessante porque fiquei muito curiosa pra saber qual é o segredo! Ah, e a minha capa favorita foi a primeira, achei um amor.
    Um beijão,
    Gabs | likegabs.blogspot.com ❣

    ResponderExcluir
  20. Oi Luli!
    Primeira opinião que vejo sobre esse livro.Gosto de leituras que fazem refletir,que tem um propósito e abordam temas mais polêmicos,mas que merecem ser discutidos.E quando ainda tem um segredo que muda o rumo de tudo,melhor ainda hahahahaaha
    Eu imaginava essa história bem diferente,na verdade nunca tinha parado pra ler a sinopse,mas acabou me chamando muito a atenção.
    Prefiro a nossa capa mesmo kkkkkkkk
    Beijos,bom fim de semana!!

    http://livreirocultural.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  21. Adoro romances de época, apesar de poucos, digamos quase nenhum kkk, falta de grana mesmo. e essas capas lindas ficam até dificil de escolher, quero todas kkk, a louca das capas, bjus, depois atualizo aqui.

    ResponderExcluir