Queremos convidar você a fazer uma viagem, uma viagem mágica, por diversos países, culturas, hábitos, épocas, onde sua imaginação quiser e você se permitir...

Viajar pelas páginas de nossos livros, por vários gêneros, escritores anônimos e ilustradores e também os ilustres escritores: romances, aventuras, comédias, mistérios, épicos, auto-ajuda, poéticos, didáticos... toda leitura faz o ser humano conhecer, abranger, crescer...

Neste blog vamos divulgar, sugerir, incentivar, um espaço para interagir com você, que vai ser nosso seguidor ou dar apenas uma espiadinha, mas será sempre bem-vindo, como aquele amigo que senta para tomar um café e conversarmos sobre aquelas páginas de um livro que mais nos marcou, ou aquele que estamos lendo no momento, então fica aqui nosso convite, entre no nosso blog, tome um café, enquanto passeia pelos nossas postagens, interaja conosco sempre, estamos aqui na rede aguardando a sua chegada.


Abraços literários.


Aparecida




Vamos trocar idéias, opiniões, interagir?

Tem algum comentário ou sugestão para fazer?

Escreva para nós no e-mail: cafecomleituranarede@gmail.com


Loja Virtual

A loja virtual "Café com leitura na rede" está a todo vapor, e convidamos você a visitar nossa loja, lá lhe aguardam ótimos preços, opções para todos os gostos e um atendimento muito, muito especial e amigo.

Acesse agora mesmo:


Abraços


Equipe Café com Leitura na Rede.



terça-feira, 2 de abril de 2013

Dia Internacional da Literatura Infantil-


                                                                              
                                                                                 


Príncipes, princesas, vilões, heróis e animais falantes. O mundo infantil não é somente baseado em brinquedos. A literatura também faz parte, trazendo a magia e o encantamento para a vida dos pequeninos. Geralmente ilustrados,  os livros infantis englobam desde lendas e tradições folclóricas à muitos clássicos mundialmente conhecidos.
No dia 2 de abril, comemora-se o  “Dia Internacional da Literatura Infantil”.
 A data é uma homenagem ao fabuloso escritor Hans Christian Andersen, nascido em 2 de abril de 1805, que escreveu e imortalizou inúmeras histórias como “ O Soldadinho de Chumbo”, “A Pequena Sereia”, “As Roupas Novas do Imperador”, “A Caixinha de Surpresas”,  “A Polegarzinha”  e “O Patinho Feio”.

                                                                              



A data é conhecida e comemorada mundialmente, em mais de sessenta países, como forma de incentivar e despertar nas crianças o gosto pela leitura.
Tanto os clássicos da literatura infantil quanto os livros somente ilustrados, proporcionaram o desenvolvimento do imaginário das crianças, bem como o aspecto cognitivo, desenvolvendo seu aprendizado em várias áreas da vida.
As histórias reportam valores morais e éticos, que levam a repensar as atitudes do cotidiano, numa reflexão que pode modificar sua ação, tornando-a melhor enquanto pessoa. A literatura infantil traz sentido aos fatos que acontecem na vida, envolvendo as crianças. Dessa forma, qualquer passeio pelos mundos ficcionais tem a mesma função de um brinquedo infantil. As crianças brincam com a boneca, cavalinho de madeira ou pipa a fim de se familiarizar com as leis físicas do universo e com os atos que realizarão um dia.
Todos os anos a Internacional Board on Books for Young People, oferece o troféu “Hans Christian”, como sendo o prêmio Nobel desse gênero, algumas escritoras brasileiras já foram homenageadas, como Lygia Bojunga, no ano de 1982, e Ana Maria Machado, em 2000.
No século XIX, os irmãos Grimm escreveram obras que marcaram várias gerações e que até hoje, são lembradas. Foram  os primeiros incentivadores das histórias voltadas ao público infantil e à família. Com narrativas populares, pesquisas e fontes na mitologia nórdica, os livros “Branca de Neve e os Sete Anões”, “João e Maria”, “Cinderela”, “Rapunzel”, “Chapeuzinho Vermelho” e “Os Músicos de Bremen” foram lançados, passando ensinamentos  sobre o mundo , através de uma visão  fantasiosa e em tom lúdico, onde a criança pudesse aprender.
Lewis Carroll  (Alice no País das Maravilhas e Alice no País dos Espelhos) e Carlo Collodi (Pinóquio) também escreveram suas obras, fazendo com que a realidade e a ficção estivessem lado a lado, em um só mundo.
O hábito da leitura deve ser incentivado desde cedo. Além do aumento do vocabulário e da aproximação familiar, a leitura enriquece a criatividade infantil e traz ensinamentos nos quais os resultados são surpreendentes. Relembre  os clássicos infantis,  entre no encantador mundo do Era uma Vez  e passe adiante o incentivo à leitura e à cultura.

No Site e Blog Café com Leitura na rede, VCS  encontram lazer, entretenimento e conhecimento.
Sejam  bem-vindos !!!



Nenhum comentário:

Postar um comentário