Queremos convidar você a fazer uma viagem, uma viagem mágica, por diversos países, culturas, hábitos, épocas, onde sua imaginação quiser e você se permitir...

Viajar pelas páginas de nossos livros, por vários gêneros, escritores anônimos e ilustradores e também os ilustres escritores: romances, aventuras, comédias, mistérios, épicos, auto-ajuda, poéticos, didáticos... toda leitura faz o ser humano conhecer, abranger, crescer...

Neste blog vamos divulgar, sugerir, incentivar, um espaço para interagir com você, que vai ser nosso seguidor ou dar apenas uma espiadinha, mas será sempre bem-vindo, como aquele amigo que senta para tomar um café e conversarmos sobre aquelas páginas de um livro que mais nos marcou, ou aquele que estamos lendo no momento, então fica aqui nosso convite, entre no nosso blog, tome um café, enquanto passeia pelos nossas postagens, interaja conosco sempre, estamos aqui na rede aguardando a sua chegada.


Abraços literários.


Aparecida




Vamos trocar idéias, opiniões, interagir?

Tem algum comentário ou sugestão para fazer?

Escreva para nós no e-mail: cafecomleituranarede@gmail.com


Loja Virtual

A loja virtual "Café com leitura na rede" está a todo vapor, e convidamos você a visitar nossa loja, lá lhe aguardam ótimos preços, opções para todos os gostos e um atendimento muito, muito especial e amigo.

Acesse agora mesmo:


Abraços


Equipe Café com Leitura na Rede.



sexta-feira, 15 de junho de 2018

Medianeras-


                                                                               
                                              
Sinopse: Martin é um fóbico em processo de recuperação. Mariana terminou um longo relacionamento.
Suas cabeças são uma bagunça, assim como os apartamentos onde vivem.
Martin e Mariana vivem no mesmo quarteirão e ainda que seus caminhos se cruzem eles não chegam a se encontrar. Caminham pelos mesmos lugares, mas não percebem um ao outro. Como eles encontrar alguém em uma cidade de três milhões de pessoas?
No centro de Buenos Aires, a cidade que os une e também os separa.

                                                                            

O filme começa apresentando os dois protagonistas e suas vidas com problemas e neuroses, ora tendo como narrador Martin, ora Mariana.
Acompanhamos o dia a dia de ambos e a maneira como eles buscam encontrar alguém.
Apesar de vizinhos e de sempre passarem pelas mesmas ruas, Martin e Mariana nunca se encontram.

Medianeras (o título do filme se refere ao “lado esquecido” dos prédios, o lado que não dá nem pra frente nem para os fundos) fala sobre a solidão numa cidade em constante e desordenado crescimento, sobre arquitetura, cotidiano e a cultura virtual.
Mas não uma solidão dramática, e sim a solidão com a qual as pessoas acabam se acostumando.
Os últimos minutos do filme são incríveis! Spoiler (e a cereja do bolo é perceber que a roupa que Martín usa na cena final é a roupa de Wally, protagonista do livro favorito da vida de Mariana. No livro Onde está Wally? O objetivo é encontrar o personagem no meio da multidão, como se ela finalmente tivesse encontrado seu personagem. (Fim do spoiler).

Quotes:
"Estoy convencido de que las separaciones y los divorcios, la violencia familiar, el exceso de canales de cable, la incomunicación, la falta de deseo, la abulia, la depresión, los suicidios, la neurosis, los ataques de pánico, la obesidad, las contracturas, la inseguridad, la hipocondría, el estrés y el sedentarismo son responsabilidad de los arquitectos y empresarios de la construcción. De estos males, salvo el suicidio, los padezco todos" (Martin na introdução do filme)

"Si mi vida fuera un juego, como el Juego de la Vida, me tocó el frustrante castigo de retroceder 5 casilleros." (Mariana na introdução de sua personagem)

"Si aún cuando se a quien estoy buscando (Wally) no lo puedo encontrar, como voy a encontrar al que estoy buscando si ni siquiera sé cómo es." (Mariana)

Constando da lista de TODOS os filmes sugeridos para arquitetos assistirem, vai muito além, é muito, muitooooooo fofiiiiiinho, impossível não torcer bastantão pelos protagonistas <3
Conto de fadas urbano inspirado nos versos de Ain't no Montain High Enough o filme é sobre questões que precisam ser refletidas, roteiro ágil e direção com bons e estilosos recursos, contemporâneo, ótimo uso de animações, rápido, delicado, cheio de ideias interessantes, estética colorida e despojado.
Apaixonante é a palavra ideal para descrever a película!

Abraços Literários e até a próxima.


17 comentários:

  1. Luli, não conhecia esse filme, mas fiquei bem curiosa com ele! Parece tão bacaninha!

    Beijo!
    Cores do Vício

    ResponderExcluir
  2. Ah Luli... amo filme fofinho que a gente torce pelos protagonistas! Então você já sabe né? Acabei de acrescentar sua indicação na minha lista de filmes para assistir. Tenha um ótimo dia, beijos!

    Blog Paisagem de Janela
    www.paisagemdejanela.com

    ResponderExcluir
  3. Uma ótima sugestão, amei!
    Feliz dia!

    ResponderExcluir
  4. Oi Luli, eu tinha uma aluna arquiteta que queria que eu assistisse o filme e eu quero! Sou fascinada por Buenos Aires <3

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  5. Oi Luli,
    A filha da minha chefe quer fazer arquitetura, acho que seria ótimo para ela nessa fase de decisão.
    E olha que eu não conhecia a obra!
    Beijos
    https://estante-da-ale.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. É um interessante filme sobre as frustrações da vida moderna e a solidão que muitos sentem mesmo vivendo numa metrópole.

    Bjos

    ResponderExcluir
  7. Oie Luli, menina eu vi esse filme na faculdade acredita? Gostei demais também. Agora a referência que eles usaram no final do filme, foi fantástico mesmo, o pulo do gato, como dizia um professor meu rsrs. É um enredo bem amarradinho e a fotografia é linda. Super recomendo também ^^

    bjs

    Ariadne ♥
    www.devoltaaoretro.com.br

    ResponderExcluir
  8. Oi Luli!
    Não conhecia esse filme,ele é argentino?Tenho uma amiga que é louca por filmes argentinos e sempre me recomenda um filme ou outro.Preciso começar a ver.Talvez comece por esse porque a sinopse é bem interessante,essa questão de encontros e desencontros num filme acaba sendo bem legal.
    Dica anotada!
    Beijos!

    http://livreirocultural.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  9. Que filme bacana, adorei a dica. Ainda não conhecia mas o enredo me deixou bem curiosa, já quero assistir.
    beijos boa semana
    www.bellapagina.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Hello, amada Luli!☕ ♥
    A resenha é top, um filme gostoso de ver neste tempo frio
    debaixo do cobertor saboreando uma pipoquinha.

    Um beijinho no seu ♥
    Andréa

    ResponderExcluir
  11. Não conhecia o livro mas já fiquei bastante curioso, parece que tem temáticas que aprecio :)

    MRS. MARGOT

    ResponderExcluir
  12. Oi, Luli!

    Os esmaltes da Revlon são incríveis! Todos que testei eu amei! ;D

    Confesso que nunca tinha ouvido falar desse filme. Tão real essa temática... Muitas vezes sinto essa solidão. E isso é tão comum! Converso com algumas pessoas e essa impressão de estar sempre só atinge geral. Mesmo estando ao lado de uma multidão! Estranho, né?! Bom, anotei aqui o filme pra ver! hehehe!

    Ótimo domingo!

    Beijo! ^^

    ResponderExcluir
  13. Luli ainda não vi o filme, gostei muito dos personagens Luli tenha um ótimo domingo bjs.
    http://www.lucimarmoreira.com/

    ResponderExcluir
  14. Já vi o filme (há pouco) e já fiz a resenha no molde que vc me mandou.
    Mas não postei por aqui.
    Só disse a Hugo que tinha assistido. E que tinha gostado.
    Muito, muito bom.

    ResponderExcluir
  15. parece ser bem bom!
    vou colocar na lista pra ver nas férias! haha

    xoxo
    Guria do Século Passado

    ResponderExcluir
  16. Deve ser um filme bem divertido, vi que não tem no netflix mas achei no YT, vou baixar pra assistir e morrer de saudades de Buenos Aires.

    Beijos/Kisses.

    Anete Oliveira
    Blog Coisitas e Coisinhas
    Fanpage
    Instagram

    ResponderExcluir