Queremos convidar você a fazer uma viagem, uma viagem mágica, por diversos países, culturas, hábitos, épocas, onde sua imaginação quiser e você se permitir...

Viajar pelas páginas de nossos livros, por vários gêneros, escritores anônimos e ilustradores e também os ilustres escritores: romances, aventuras, comédias, mistérios, épicos, auto-ajuda, poéticos, didáticos... toda leitura faz o ser humano conhecer, abranger, crescer...

Neste blog vamos divulgar, sugerir, incentivar, um espaço para interagir com você, que vai ser nosso seguidor ou dar apenas uma espiadinha, mas será sempre bem-vindo, como aquele amigo que senta para tomar um café e conversarmos sobre aquelas páginas de um livro que mais nos marcou, ou aquele que estamos lendo no momento, então fica aqui nosso convite, entre no nosso blog, tome um café, enquanto passeia pelos nossas postagens, interaja conosco sempre, estamos aqui na rede aguardando a sua chegada.


Abraços literários.


Aparecida




Vamos trocar idéias, opiniões, interagir?

Tem algum comentário ou sugestão para fazer?

Escreva para nós no e-mail: cafecomleituranarede@gmail.com


Loja Virtual

A loja virtual "Café com leitura na rede" está a todo vapor, e convidamos você a visitar nossa loja, lá lhe aguardam ótimos preços, opções para todos os gostos e um atendimento muito, muito especial e amigo.

Acesse agora mesmo:


Abraços


Equipe Café com Leitura na Rede.



quarta-feira, 27 de junho de 2018

11:14 e The 15:17 to Paris-


                                                                                


Sinopse- Uma série de eventos que convergem e acontecem inesperadamente às 11:14 da noite na pequena cidade de Middleton. Em sequências inesperadas, as vidas de alguns moradores da cidade se envolvem em cinco histórias diferentes ao redor de uma instigante adolescente.
As coisas não param de acontecer, fora do planejado por ela, jogando areia nos seus esquemas.

A trama acompanha cinco histórias cruzadas (uma adolescente rebelde, um grupo de arruaceiros, a funcionária de uma loja de conveniência, um grupo de paramédicos e um policial) que ocorrem paralelamente na noite da cidade de Middleton, EUA e acabam por convergir de alguma maneira às 11:14 do título, que diz respeito à hora da noite em que um cadáver é atirado de cima de um viaduto indo bater violentamente num carro que passava em baixo.
Um dos destaques do filme é o elenco, que conta com o carismático Patrick Swayze, a talentosa Hilary Swank, os (ainda) jovens Ben Foster, Colin Hanks, Rachael Leigh Cook e Jason Segel, e o na época desconhecido, Clark Gregg com seus personagens bem construídos, coerentes e consistentes.
Mesmo transcorrendo de maneira não linear (montagem paralela e flashbacks dentro de flashbacks), a montagem não deixa o andamento confuso e as transições feitas pelo diretor Greg Marcks tem ritmo eletrizante e roteiro ágil cheio de elementos “efeito borboleta” e doses de humor negro que deixam o espectador roendo as unhas de ansiedade para descobrir todas as ligações existentes entre as histórias e assim completar o quebra-cabeça.
O absurdo de várias situações remetem ao cinema de Tarantino com uma pegada de Irmãos Coen.
Com bons diálogos e roteiro sem furos (tenho mania de procurar por furos e não encontrei nenhum), “11:14” é um excelente filme, despretensioso e divertido que dá vontade de assistir de imediato uma segunda vez para constatar que o roteiro é mesmo redondinho.


                                                                                   
                                                                                 

The 15:17 to Paris

Sinopse- Assim que um terrorista invade o trem da Thalys a caminho de Paris, três amigos e soldados norte-americanos - Anthony Sadler, Alex Skarlatos e o piloto da Força Aérea Spencer Stone - se esforçam para imobilizar o extremista, armado com um fuzil AK-47, e evitar uma enorme tragédia.

Quando a Warner posicionou The 15:17 to Paris para ser lançado em fevereiro tinha alguma coisa errada. Um filme de Clint Eastwood não iria competir ao Oscar?
90 minutos depois a resposta: é o pior longa dirigido por Eastwood, também é um filme nada original, desequilibrado e arrastado.
Dois anos e meio após o incidente que ocorreu na vida real, Eastwood leva para as telonas os responsáveis por interromper o que poderia ser uma tragédia: Anthony Sadler, Spencer Stone e Alex Skarlatos.
Ultimamente, Clint tem levado às telas histórias recentes que ainda estão na memória das pessoas.
É um trabalho estressante para roteiristas e diretores lidar com o processo criativo de um filme cujo destaque está em um clímax que durou menos de trinta segundos na vida real, assim sendo a decisão tomada por Clint e Dorothy Blyskal, roteirista foi dar uma ampla (e bota aaaaampla nisso) contextualização da amizade entre os três e seguir os passos deles até embarcarem no trem.
Era a forma para esticar o tempo, massssss várias passagens são absolutamente desnecessárias, além de não serem bem explicadas e por outro lado a relevância contextual do terrorista responsável pelo ataque não tem qualquer linha sobre sua motivação.
Faltou maestria ao tocar um roteiro cujo clímax era curto, e que não se estendeu de forma satisfatória durante a narrativa.
The 15:17 to Paris infelizmente é um filme que não condiz com o padrão Eastwood.
Uma pena.


Abraços Literários e até a próxima.


18 comentários:

  1. Luli, não conhecia esses filmes, mas só o primeiro me chamou a atenção! Vou assistir com certeza!
    Aproveitando, muito obrigada pelos parabéns, viu? <3

    Beijo!
    Cores do Vício

    ResponderExcluir
  2. Oi Luli, gostei muito da indicação, não conhecia nenhum deles! Pena que o 15:17 não se saiu tão bem assim. Mas 11:14 sem dúvidas entrou em minha lista. Tenha um ótimo dia, beijos!

    Blog Paisagem de Janela
    www.paisagemdejanela.com

    ResponderExcluir
  3. fiquei curiosa, mas pelo jeito não são grande coisa. beijos, pedrita

    ResponderExcluir
  4. Confesso que não conhecia nenhum deles, mas também me parece que não são muito o género que eu gosto de assistir.

    MRS. MARGOT

    ResponderExcluir
  5. Oie Luli, não conhecia nenhum desses dois filmes ainda, fiquei com muita vontade de assistir 11:14 parece ser um filme bem redondinho mesmo, dica anotada! (ainda mais com Patrick Swayze no elenco *suspiros* rsrs). Agora o segundo filme, só de ler seu comentário, já deu pra notar que não é legal, imagina fazer um filme com algo que aconteceu em 30 segundos x.x tem que ter muita criatividade para encher linguiça, ops, digo o filme hahaha.

    bjs

    Ariadne ♥
    www.devoltaaoretro.com.br

    ResponderExcluir
  6. Olá, amada Luli!
    Pela resenha 11:14 e The 15:17 to Paris é muito interessante.
    Eu e o meu filhos somos amantes de filmes, agora que ele entrou de férias, não vamos sair do cinema.

    Beijinhos no seu lindo ♥
    Andréa

    ResponderExcluir
  7. Oi Luli, bt!
    Pela resenha e pelo Patrick, acho que já gostei mais do 11:14. Vou ver os 2 p/ter certeza de que estou certa.
    Bjsss amiga

    ResponderExcluir
  8. Gostei de "11:14". Filmes com vários personagens que se cruzam geralmente são interessantes.

    Vi faz pouco tempo e até comentei no blog sobre "15:17: Trem Para Paris". A escolha de escalar os próprios "heróis" para interpretar eles mesmos foi arriscada.

    Os flashbacks da infância parecem outro filme.

    O filme não chega a ser ruim por conta da força da história e pela coragem dos protagonistas, mas analisando como cinema, a obra deixa a desejar.

    Bjos

    ResponderExcluir
  9. Hmmm, fiquei interessada heim Luli.

    Lembra que sempre falo aqui que fujo de tudo que fale de Campo de Concentração ? Pois bem... Julinha me convenceu a assistir "O menino do pijama listrado" com ela no domingo. Ai Senhor kkkk.

    Beijo !

    | Afonso Padilha . Detalhadamente - Instagram |

    | O Blog Que Não é Blog - Instagram |

    | Uni Colorato - Instagram |

    | O Blog Que Não é Blog |

    ResponderExcluir
  10. ja addc na minha lista skoob, amei essa resenha genteeee eu vou ficar louca com suas resenhas, porque eu nem termino de ler uma e ja quero outra

    https://dosedeestrela.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  11. Nunca ouvi falar nesses filmes.
    Mas vou anotar.
    Essas histórias muito entremeadas umas nas outras eu quase nunca gosto, porque quase nunca entendo.
    E deve ser um filme antigo porque Patrick Swayze (bom cantor, bom bailarino, bom ator)morreu faz um tempo.

    O de Eastwood me chamou atenção por ser uma história real e com personagens reais.
    Quem sabe consigo encontrar?

    ResponderExcluir
  12. gosto desse enrredo que tem historias cruzadas, bacana sua resenha dos dois filmes

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  13. Olá Luli, tudo bom?

    Não conhecia ambos os filmes, mas adorei a sua resenha. Anotarei para assistir no final de semana, pois não irei viajar. :)

    Um beijo,

    My Pure Style x My Instagram x My Facebook 

    ResponderExcluir
  14. Nossa, Luli, estou tentando me lembrar se assisti esse 11:14. A história não me é estranha então é bem provável que eu tenha visto sim na época. que cabeça a minha, rs.

    Beijos/Kisses.

    Anete Oliveira
    Blog Coisitas e Coisinhas
    Fanpage
    Instagram

    ResponderExcluir
  15. Oi, Luli!

    Que isso. Adoro comentários enormes! hohoho! ;)

    Então, não sei se teria coragem de me meter sozinha no mundo musical. Mas se algum dia você decidir aprender um instrumento, me chama pra gente montar uma banda! hahaha! O Pedro Bandeira é sensacional. Um autor bom demais que me marcou super! Zoologia parece ser legal. Só que nunca pensei de fazer, acredita? Não sei se tenho vocação pra isso! Ah! E agradeço pela xícara! hahaha! Aliás, estou tomando mesmo café agora. Servida? hehehe!

    "11:14" parece ser tão bom! Fiquei bem curiosa pra ver. Ainda mais porque você não encontrou furos no roteiro! Agora, "The 15:17 to Paris" parece ser decepcionante. É horrível quando a história não tem como se prolongar e eles enfiam coisas irrelevantes pra esticar o tempo! Sem dúvida é um filme que passo.

    Ótima sexta!

    Beijo! ^^

    ResponderExcluir
  16. Oi Luli! Como eu já comentei aqui, estou passando para lhe desejar um ótimo fim de semana. Beijos!

    Blog Paisagem de Janela
    www.paisagemdejanela.com

    ResponderExcluir
  17. Bjsssssss amiga e um belo e abençoado FDS p/vcs

    ResponderExcluir